O que é Cedipod? |  Inglês |  Francês |  Espanhol |  Informações Gerais

Legislação |  Estatísticas |  Documentos Internacionais |  Bibliografia

Notícias e Eventos |  Outros Sites |  Livro de Visitas |  Home


Informações Gerais
Textos Diversos

SUB OU SUPERDOTADO?

Os paralisados cerebrais foram considerados como portadores de deficiência mental durante toda sua existência, embora grande parte não a porte. Este preconceito tem origem:

- no próprio nome da deficiência, pois a lógica é de que, se o cérebro parou, não mais há a capacidade de pensar.

- na dificuldade de comunicação oral, escrita e gestual, pois que esta é um dos canais mais poderosos para se chegar a algum lugar na sociedade, principalmente ao próprio poder.

- na imagem afastada da normalidade

- na lentidão na execução de qualquer coisa que exija a coordenação motora, como o ato de escrever, por exemplo

- na falta de coordenação motora. Esta apresenta o PC como desastrado e não possuidor dos controles da mente.

Mas, este quadro está se modificando. Há estudiosos, embora poucos, que estão repensando esta questão. Tomaram consciência de que os métodos tradicionais de avaliação mental são falhos, deixando muitas pessoas estigmatizadas, dentre elas, os PCs.

Existe, ainda, uma pesquisa feita entre bebês vítimas de anóxia, com amostragem de bebês nascidos entre 1950 à 1970 no berçário da Maternidade São Paulo pelo psiquiatra Dr. José C. Ferraz Sales, onde ele conclui que os anoxiados ou hipoxemicos tem inteligência acima da média ou abaixo dela (se a criança for afetada na parte mental pela falta de oxigenação no cérebro, o que é difícil.).

Segundo este médico, o sofrimento de nascimento causado pela anóxia ou hipoxemia ativa a metade do cérebro, que geralmente está desativada nas crianças comuns, originando, deste modo, a super dotação intelectual e afetiva da vítima.

Se a anóxia ou hipoxemia no parto causa este tipo de coisa, e, se o PC é vítima dela, em cerca de 80% dos casos, então deve existir um grande contingente de super dotados PCs sendo tratados como sub dotados, o que é um verdadeiro desperdício.

Este estudo está relatado no livro escrito pelo médico: Os Super Dotados: diagnóstico e orientação, editado pela Alvorada em 1982.

Suely Harumi Satow, paralisada cerebral, doutora em Psicologia Social pela PUC-SP


Volta

Home
O que é Cedipod? |  Inglês |  Francês |  Espanhol |  Informações Gerais

Legislação |  Estatísticas |  Documentos Internacionais |  Bibliografia

Notícias e Eventos |  Outros Sites |  Livro de Visitas